Os nossos primeiros três meses como Universidade Agora

Amadurecimento pessoal, lançamento de programa para profissionais do futuro remoto e aprendizados sobre produtividade.

A última semana me fez pensar que produtividade e aprendizado realmente não dá pra definir por quantidade de horas. Desde janeiro, iniciamos a operação da Universidade Agora e tenho tido três produtos focos, talks/podcast, workshops e o maior de todos que é o Programa Universitário Empreendedor.

Captura de Tela (101)

Board completo disponível aqui

Nosso primeiro tri

Demoramos mais do que havíamos planejado para lançar a Turma 1 do Programa Universitário Empreendedor de 2019, gravamos podcast, Éfrem fez alguns MVPs bem fodas e vai contar logo mais sobre :)

Mas o que me motivou a escrever esse texto foi perceber o quanto aprendemos em uma semana testando diretamente com nosso cliente. O PUE é um programa com foco em obter habilidades para trabalho do futuro (que na real já é presente né), queremos ajudar as pessoas a serem capazes de usar o máximo de tecnologia básica para resolver problemas reais.

Ano passado, ajudei a rodar três edições do programa, uma em um semestre e duas em outro semestre, quando Rafael Hundrão era o Agente de Aceleração, a gente aprendeu muito em um semestre, amadurecemos. E agora iremos iniciar a Turma 1 de 2019 com a Dani Lopes como Agente de Aceleração e dessa vez, decidimos fazer uma aposta, baseada em um problema:

Como ter pessoas cada vez mais engajadas e que querem aprender hacks de tecnologia para resolver problema reais?

Essa pergunta foi nosso norte e decidimos fazer um processo com um quê de Seleção Natural: Só quem realmente quiser fazer parte, continua. E criamos um ambiente seguro para as pessoas falarem o tempo todo. E aprendemos muito, em uma única semana!

Como funcionou?

Usamos nosso amorzinho, o Trello para fazer esse processo, entendemos que existem duas coisas que são necessárias para entrar no PUE é:

  1. Saber o que é trabalho remoto
  2. Fazer um pitch deck

Isso se transformou em:

  • 4 dias, com três sessões de 30 minutos para alinhamento do que foi feito, travas e próximo passo.
  • 4 desafios, com perguntas sobre qual problema será resolvido, mercado, MVP e time, que no final forma um pitch deck.
  • 12 calls, ter um compromisso por dia e usar chamada de voz ou vídeo foi a forma que achamos de nos conectarmos mais com os times.

Produzimos alguns conteúdos bem legais onde ensinamos coisas básicas e que podem deixar o dia a dia de todo mundo bem mais produtivo:

Entraram nessa seleção 11 grupos e 7 sobreviveram.

Parabéns,

Gabrielle Balata | Mary Nascimento| Talyta Amaral |Denise Carvalho |Ana Paula Chagas | Mayara Senes | Eduardo Ascenção | Louíse Mendes| Wenderson Carvalho | Flavia Coelho | Darvin Pestana | Italo Carvalho | Camila Waquim | Yasmin | Aline Santos

Foi incrível ver a evolução de cada um de vocês durante uma semana, estamos empolgadas com as próximas quatro semanas!

E internamente, a nossa próxima aposta é saber

Qual o impacto do PUE na vida de cada um dessas pessoas? O que elas realmente aprenderam e como estão usando isso na vida?

E assim, com a foto de um dos meus escritórios da semana passada, declaramos oficialmente aberta a Turma 1 de 2019 do Programa Universitário Empreendedor!

Terraço do Rio Maravilha, café que fica no LX Factory em Lisboa — Portugal. E como eu, Éfrem Maranhão Filho e Dani Lopes amamos beber cerveja.
Fiz um brinde! hahaha

——————

Texto publicado originalmente em www.medium.com/universidadeagora em 3 de abril de 2019.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.